FavoriteLoadingAdd to favorites

Soneto de Constelação Amorosa

(para Marlene)

written by: Léa Ferro

@leaferro

 

Permaneceu em mim o teu cheiro
O mar de altivas ondas
A pele descortinada de lua
O sol a calar-me num beijo.

Permaneceu em mim o teu toque
A mão, desesperada, ao caminhar
O peso do teu corpo ardente
O segredo de tuas ramagens.

Permaneceu em mim a tua melodia
A recitar versos na manhã emoldurada
A rimar sentenças amorosas.

Permaneceu em mim tua luz
A findar-se na noite suave
A inebriar as minhas constelações.

Léa Ferro

Léa Ferro

Léa Ferro - 1978. SP/Brasil.É Membro Imortal Correspondente da Academia Luminescência Brasileira/Araraquara/SP, e Embaixadora e Comendadora Imortal da Academia de Letras, Artes e Cultura/Casimiro de Abreu/Embaixada da Poesia/RJ. É autora do livro de Poesias Sortimentos: Prosa & Poesia, da Darda Editora. Participou de Coletâneas pelas editoras Illuminare, Dardae Futurama.
Léa Ferro

Latest posts by Léa Ferro (see all)

Read previous post:
Silent Spell written by Genie Nakano at Spillwords.com
Silent Spell

Silent Spell written by: Genie Nakano @genieyogini   the silent spell of a wind chime broken by a breeze

Close